especiais

Geografia musical de Joyce Moreno

Joyce Moreno, nascida e criada no Posto 6, em Copacabana, conta a história de sua carreira musical através dos bairros em que morou na cidade. Ela está lançando um CD só com músicas sobre o Rio de Janeiro.

a canção no tempo

1979

O início da abertura política permitiu a volta dos exilados ao país em 1979. A música que virou tema da anistia foi "O bêbado e a equilibrista", de João Bosco e Aldir Blanc, sucesso na voz de Elis Regina. Outros destaques daquele ano foram Gilberto Gil, Maria Bethânia e Roberto Ribeiro.

seleções

Inezita Barroso, 90 anos

Inezita Barroso completa 90 anos neste 4 de março ainda cantando, apresentando seu programa de TV e difundindo a música do interior brasileiro. Abraçou a tradição sertaneja mesmo sendo de uma rica família paulistana. A Batuta selecionou 11 interpretações da cantora.

música é história - batuta na cbn

Nelson Cavaquinho

Na voz, no violão e nos temas cantados, nunca houve ninguém como Nelson Cavaquinho na música brasileira. O "dono das calçadas" é lembrado na série sobre os grandes compositores.

Águas de março

Depois de um verão de temperaturas elevadas em todo o país, pensamos agora nas "Águas de março", de Tom Jobim, que ele gravou com Elis Regina.

grade de programação

programas mais recentes
destacados em vermelho

destaques

clássico

Pós-Viena

Arthur Dapieve mostra compositores que, de certa forma, reagiram à Segunda Escola de Viena (a de Schoenberg, Webern e Berg) fazendo música melodiosa, acessível e de alto nível. São o ucraniano Valentin Silvestrov, o inglês John Rutter e o americano Arnold Rosner.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

Cenas cariocas

Do malandro que acerta no milhar do jogo do bicho ao grã-fino do café soçaite, a música brasileira tratou, em forma de verdadeiras crônicas, os personagens que fizeram a fama do Rio nestes 450 anos. Eles estão no último programa da série que homenageia o aniversário da cidade, com roteiro e apresentação de Joaquim Ferreira dos Santos.

música é história - batuta na cbn

Geraldo Pereira

Ele era brigão, encrenqueiro e excelente compositor. Nas palavras de João Gilberto, um de seus melhores intérpretes, foi um inovador da música brasileira. Chico Buarque, Gal Costa e muitos outros gravaram seus sambas.

instrumental brasileiro

Quinteto Armorial

Grupo que representou na música as ideias do escritor Ariano Suassuna, o Quinteto Armorial marcou época nos anos 1970. Ricardo Silveira relembra o grupo, do qual faziam parte Antônio José Madureira e Antonio Nóbrega.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

Do Leme ao Pontal

Na série que comemora os 450 anos do Rio, Joaquim Ferreira dos Santos passeia pelas músicas que falam da Zona Sul. Do samba-canção de Dick Farney sobre Copacabana, passando pela bossa nova de Tom e Vinicius para Ipanema, até o pop de Cassia Eller cantando o bairro de Laranjeiras, onde morava.

música é história - batuta na cbn

Noel Rosa de Oliveira

Com nome de craque, Noel Rosa de Oliveira foi um dos maiores compositores do Salgueiro, criando sambas-enredos históricos como "Quilombo dos Palmares" e sambas para blocos e bailes, como "Vem chegando a madrugada".

jazz

O jazz de Cabu

O cartunista francês Cabu, assassinado com seus colegas do jornal Charlie Hebdo no massacre de 7 de janeiro em Paris, era apaixonado por jazz e dizia sonhar ser baterista de uma big band. Reinaldo Figueiredo homenageia o colega com algumas gravações que ele amava.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

Carnaval dos bairros

No quarto programa da série que homenageia os 450 anos do Rio, Joaquim Ferreira dos Santos lembra as marchinhas carnavalescas que citam os bairros da cidade em suas letras. Nelas, a Barra da Tijuca e Paquetá são sinônimos geográficos de pecado.

música é história - batuta na cbn

Padeirinho

Representante da tradição de grandes compositores da Mangueira, Oswaldo Vitalino de Oliveira, o Padeirinho, era craque no partido-alto, nos sambas sincopados e nos sambas-enredo. Fez "Favela", "Linguagem do morro", "O grande presidente" e muito mais.

seleções

Odete Lara

Odete Lara, que morreu neste 4 de fevereiro, não se dedicou tanto à carreira de cantora como poderia. É o que mostram suas gravações interessantes de músicas de Vinicius de Moraes, Chico Buarque e outros, selecionadas por Joaquim Ferreira dos Santos.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

A Zona Norte dá samba

Mangueira (foto), Irajá, Madureira e Penha são alguns bairros da Zona Norte que inspiraram grandes momentos musicais. Nesta série que saúda os 450 anos do Rio, Joaquim Ferreira dos Santos faz uma crônica que passeia pela obra de artistas que surgiram na região, como Noel Rosa, Jorge Veiga, Jorge Ben Jor, Dicró e ilustres visitantes, como Cartola, de Laranjeiras.

a canção no tempo

1978

A novidade musical de 1978 foi o grupo Frenéticas, que pegou carona na moda das discotecas. Chico Buarque, com o repertório da "Ópera do Malandro" e outras canções, foi um grande destaque.

música é história - batuta na cbn

Pedro Caetano

Autor de "É com esse que eu vou", sucesso carnavalesco que Elis Regina regravou, Pedro Caetano também brilhou em choros e valsas, sem nunca deixar de ser comerciante de calçados.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

Garotas do Rio

A mais clássica versão musical do Rio é a "Garota de Ipanema", mas a cidade tem outras musas espalhadas por seus bairros. A "Deusa do Maracanã", que enfeitiçou Nelson Gonçalves, e a "Teresa da praia", do Leblon, disputada por Dick Farney e Lucio Alves, são algumas delas, apresentadas por Joaquim Ferreira dos Santos.

música é história - batuta na cbn

Herivelto Martins

Para muita gente, ele ficou marcado como vilão do tumultuado casamento com Dalva de Oliveira. Mas Herivelto Martins foi mais do que isso. Compositor versátil, eternizou músicas como “Praça Onze”, “Ave Maria no morro” e “Segredo”.

clássico

Três prima-donas

O lançamento de 69 CDs remasterizados de Maria Callas motiva Arthur Dapieve a falar desta e de outras duas grandes sopranos: Renata Tebaldi e Mirella Freni. Podemos ouvi-las interpretando Wagner, Puccini e Verdi.

os batutas

Billy Blanco

Autor de sambas sincopados como "Estatutos da gafieira" e parceiro de Tom Jobim pouco antes da bossa nova (em "Tereza da Praia", por exemplo), Billy Blanco é o novo personagem da série Os Batutas.

especiais /
Rio 450 – Crônicas musicais

Santos bairros

Os 450 anos do Rio de Janeiro começam a ser lembrados pela Rádio Batuta com seis especiais relacionando música e a vida da cidade. Neste primeiro, os festejos de São Sebastião, padroeiro da cidade, inspiram Joaquim Ferreira dos Santos numa crônica sobre como aparecem em algumas canções brasileiras os bairros com nomes de santos.

música é história - batuta na cbn

Lupicinio Rodrigues

Suas músicas falavam de amores perdidos, tristeza, vingança, mas de forma original e com elegância. Sofria-se com bom gosto nas canções de Lupicínio Rodrigues, tema deste programa da série sobre os grandes compositores.

música é história - batuta na cbn

Dorival Caymmi

Dorival Caymmi está no centro da música brasileira, tendo sido reverenciado pela bossa nova, pela MPB, pelo tropicalismo. O programa mostra alguns pontos marcantes dessa trajetória, como "O que é que a baiana tem?", "O mar" e "Só louco".

música é história - batuta na cbn

Assis Valente

Autor de alegres sambas e marchas, Assis Valente era um depressivo que tentou algumas vezes se matar – até que conseguiu. Teve 24 músicas gravadas por Carmen Miranda, fez a mais conhecida canção brasileira de Natal e criou versos imortais como “Chegou a hora dessa gente bronzeada mostrar seu valor”.

seleções

Mais de 150 maneiras de ser 'Carinhoso'

A equipe da Reserva de Música do IMS reuniu 153 gravações de "Carinhoso", a obra-prima de Pixinguinha e Braguinha. Da original, de 1928 (antes de a composição ganhar letra), até uma de 2009.

seleções

Samba de sambar

As origens do samba no bairro carioca do Estácio são contadas em detalhes por Humberto Franceschi no livro "Samba de sambar", que o IMS relança. O DVD encartado traz cem músicas, entre elas as dez desta playlist.

seleções

Músicas para chamar água

Em falta em São Paulo e outras partes do país, a água é a homenageada desta playlist preparada por Joaquim Ferreira dos Santos. Tom Jobim e Elis Regina em "Águas de março", Caetano Veloso, Gilberto Gil, Milton Nascimento e Nei Lopes também estão na seleção.

seleções

Valzinho, 100 anos

Valzinho (1914-1980) foi um compositor e violonista original, cultuado por artistas como Paulinho da Viola. Gravações dele, de Elizeth Cardoso e Zezé Gonzaga estão entre as reunidas por Edgard Costa, sobrinho de Valzinho, para marcar o centenário do músico carioca.

especiais

Leila Diniz sem censura

Há 45 anos, em 15 de novembro, em pleno AI-5, "O Pasquim" publicava a célebre entrevista com Leila Diniz. A imprensa nunca mais foi a mesma, a mulher brasileira também. Joaquim Ferreira dos Santos, biógrafo da atriz, conta a história daquele momento e mostra trechos do áudio da entrevista, com todos aqueles palavrões que o jornal substituiu por asteriscos.

documentários

Cole Porter - O homem e suas canções

João Máximo apresenta num documentário de 10 capítulos a vida e a obra de Cole Porter, um dos gigantes da composição americana. Tudo é contado com muita música, incluindo gravações raras.